28 de jul de 2011

AS DUAS TESTEMUNHAS - The Two Witnesses

AS DUAS TESTEMUNHAS
imagem ilustrativa
Apocalipse 11:3-13 –Darei às minhas duas testemunhas que profetizem por mil duzentos e sessenta dias, vestidas de pano de saco. São estas as duas oliveiras e os dois candeeiros que se acham em pé diante do Senhor da terra. Se alguém pretende causar-lhes dano, sai fogo da sua boca e devora os inimigos; sim, se alguém pretender causar-lhes dano, certamente, deve morrer. Elas têm autoridade para fechar o céu, para que não chova durante os dias em que profetizarem. Têm autoridade também sobre as águas, para convertê-las em sangue, bem como para ferir a terra com toda sorte de flagelos, tantas vezes quantas quiserem. Quando tiverem, então, concluído o testemunho que devem dar, a besta que surge do abismo pelejará contra elas, e as vencerá, e matará, eo seu cadáver ficará estirado na praça da grande cidade que, espiritualmente, se chama Sodoma e Egito, onde também o seu Senhor foi crucificado. Então, muitos dentre os povos, tribos, línguas e nações contemplam os cadáveres das duas testemunhas, por três dias e meio, e não permitem que esses cadáveres sejam sepultados. Os que habitam sobre a terra se alegram por causa deles, realizarão festas e enviarão presentes uns aos outros, porquanto esses dois profetas atormentaram os que moram sobre a terra. Mas, depois dos três dias e meio, um espírito de vida, vindo da parte de Deus, neles penetrou, e eles se ergueram sobre os pés, e àqueles que os viram sobreveio grande medo; e as duas testemunhas ouviram grande voz vinda do céu, dizendo-lhes: Subi para aqui. E subiram ao céu numa nuvem, e os seus inimigos as contemplaram. Naquela hora, houve grande terremoto, e ruiu a décima parte da cidade, e morreram, nesse terremoto, sete mil pessoas, ao passo que as outras ficaram sobremodo aterrorizadas e deram glória ao Deus do céu”.


Zacarias 4:3-5 – “Junto a este, duas oliveiras, uma à direita do vaso de azeite, e a outra à sua esquerda. Então, perguntei ao anjo que falava comigo: meu senhor, que é isto? Respondeu-me o anjo que falava comigo: Não sabes tu que é isto? Respondi: não, meu senhor”. 

Zacarias 4:11-14 – “Prossegui e lhe perguntei: que são as duas oliveiras à direita e à esquerda do candelabro? Tornando a falar-lhe, perguntei: que são aqueles dois raminhos de oliveira que estão junto aos dois tubos de ouro, que vertem de si azeite dourado? Ele me respondeu: Não sabes que é isto? Eu disse: não, meu senhor. Então, ele disse: São os dois ungidos, que assistem junto ao Senhor de toda a terra”.

Durante a grande tribulação, Deus enviará duas testemunhas especiais da verdade divina sobre a terra. Esses dois homens serão intocáveis até que cumpram a sua missão. Terão grandes poderes para exercerem sobre a terra neste período. As duas testemunhas irão testificar durante a grande tribulação sobre o arrebatamento para todas as Nações e para Israel. Eles irão estimular os que ainda crêem no Rei Jesus a terem forças para não aceitarem a marca da Besta. Eles serão um testemunho vivo para a fidelidade dos 144 mil judeus. Ambos serão mortos pelo anticristo após cumprirem sua missão.

Quem são as duas testemunhas?

No monte da transfiguração – testemunho sobre Jesus Cristo.

Mateus 17:1-3 – “Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro e aos irmãos Tiago e João e os levou, em particular, a um alto monte. E foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandecia como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz. E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele”.

imagem ilustrativa
No monte apareceram Moisés e Elias. Moisés representava a Lei, e Elias representava o ministério profético. A Lei e o Ministério profético testificam do Senhor. Testemunho para os discípulos e para a igreja, apontando para Cristo. Mateus 17:5 – “...Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo, a Ele ouvi”. Ele tem o respaldo da Lei, a garantia profética. Ele é EMANUEL.
Alguns afirmam ser Moisés e Elias as duas testemunhas. Mas Moisés já passou pela morte e ao homem está ordenado morrer uma só vez. Hebreus 9:27. Então, Moisés não é a testemunha do arrebatamento aos que ficarão na grande tribulação.
Somente duas pessoas não passaram pela morte, Elias e Enoque, as primícias do arrebatamento, são inequivocamente as duas testemunhas dentro da grande tribulação.

O REINO DO ANTICRISTO - The Kingdom of Antichrist

O REINO DO ANTICRISTO

Caixa de texto: imagem meramente ilustrativa-Fonte google 2 Tessalonicenses 2:3-4 – “... homem da iniqüidade, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus”.

2 Tessalonicenses 2:9-12 – “Ora, o aparecimento do iníquo é segundo a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais, e prodígios da mentira, e com todo engano de injustiça aos que perecem, porque não acolheram o amor da verdade para serem salvos. É por este motivo, pois, que Deus lhes manda a operação do erro, para darem crédito à mentira, a fim de serem julgados todos quantos não deram crédito à verdade; antes, pelo contrário, deleitaram-se com a injustiça”.

Apocalipse 13:4-6 – “e adoraram o dragão porque deu a sua autoridade à besta; também adoraram a besta, dizendo: Quem é semelhante à besta? Quem pode pelejar contra ela? Foi-lhe dada uma boca que proferia arrogâncias e blasfêmias e autoridade para agir quarenta e dois meses; e abriu a boca em blasfêmias contra Deus, para lhe difamar o nome e difamar o tabernáculo, a saber, os que habitam no céu”.

Quem são esses que habitam nos céus? A igreja que foi arrebatada.

Apocalipse 13:8 – “e adorá-la-ão todos os que habitam sobre a terra, aqueles cujos nomes não foram escritos no Livro da Vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo”.

Apocalipse 13:14-18 – “Seduz os que habitam sobre a terra por causa dos sinais que lhe foi dado executar diante da besta, dizendo aos que habitam sobre a terra que façam uma imagem à besta, àquela que, ferida à espada, sobreviveu; e lhe foi dado comunicar fôlego à imagem da besta, para que não só a imagem falasse, como ainda fizesse morrer quantos não adorassem a imagem da besta. A todos, os pequenos e os grandes, os ricos e os pobres, os livres e os escravos, faz que lhes seja dada certa marca sobre a mão direita ou sobre a fronte, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tem a marca, o nome da besta ou o número do seu nome. Aqui está a sabedoria. Aquele que tem entendimento calcule o número da besta, pois é número de homem. Ora, esse número é seiscentos e sessenta e seis”.
Como já comentado anteriormente, o anticristo reinará e será um personagem de uma habilidade e capacidade incrível. Será o maior líder de toda terra, portador de uma personalidade irresistível. Terá poder e sinais da mentira, uma vez que satanás o possuiu. Terá em suas mãos todo poderio bélico, tecnologia avançada e poder econômico, enganará as nações.
O anticristo influenciará decisivamente as massas com seus discursos inflamados, como está escrito na Palavra de Deus ele seduzirá todas as nações e será adorado por elas.
Far-se-á passar por Messias, redentor da humanidade. Será bem recebido ao aparecer com a solução de problemas sociais, políticos e econômicos. Acabará com as crises que fustigam o mundo inteiro, para as quais, os líderes mundiais mais capazes não encontram soluções.
O anticristo implantará um governo que terá total domínio sobre as pessoas.

Em Apocalipse 13:16-18 – “A todos, os pequenos e os grandes, os ricos e os pobres, os livres e os escravos, faz que lhes seja dada certa marca sobre a mão direita ou sobre a fronte, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tem a marca, o nome da besta ou o número do seu nome. Aqui está a sabedoria. Aquele que tem entendimento calcule o número da besta, pois é número de homem. Ora, esse número é seiscentos e sessenta e seis”.

DISCERNINDO PARA ÉPOCA DO ARREBATAMENTO - Rapture For The Discerning Season

DISCERNINDO PARA ÉPOCA DO ARREBATAMENTO

O Dia de Cristo para a Igreja, o arrebatamento, a época da sua vinda:

Lucas 12:54-56 – “Disse também às multidões: Quando vedes aparecer uma nuvem no poente, logo dizeis que vem chuva, e assim acontece; e, quando vedes soprar o vento sul, dizeis que haverá calor, e assim acontece. Hipócritas, sabeis interpretar o aspecto da terra e do céu e, entretanto, não sabeis discernir esta época?”

Romanos 13:11 – “E digo isto a vós outros que conheceis o tempo: já é hora de vos despertardes do sono; porque a nossa salvação está, agora, mais perto do que quando no princípio cremos”.

Mateus 24:32-34 – Aprendei, pois, a parábola da figueira: quando já os seus ramos se renovam e as folhas brotam, sabeis que está próximo o verão. Assim também vós: quando virdes todas estas coisas, sabei que está próximo, às portas. Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que tudo isto aconteça”.

Ninguém pode marcar dia nem hora para a vinda do Senhor Jesus, pois o próprio Jesus afirmou: “Mas a respeito daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus...” Mateus 24:36. Mas o próprio Jesus nos dá autoridade para discernimos a época (Lc 12:54-56). A Palavra de Deus fala que conheceríamos o tempo (Rm 13:11), ou seja, dia e hora não saberemos, mas e época, o tempo, a geração da sua vinda iríamos discernir (Mt 24:32-34).

A palavra profética proferida por Jesus em Mateus 24:32-34 nos dá com segurança que vivemos na geração de sua vinda.
“Aprendei a parábola da figueira...” – é uma parábola, ou seja, uma narração alegórica, uma comparação, para mostrar outras realidades de ordem superior.
A FIGUEIRA, representada na parábola, significa Israel.
“...quando já os seus ramos se renovam e as folhas brotam...”. Em 70d.C, os romanos destruiram Jerusalém e isso acarretou uma nova diáspora em Israel, obrigando os judeus a irem para outros países da Ásia Menor ou sul da Europa. Eles ficaram dispersos por quase 2 mil anos, sem pátria própria. A dispersão do povo judeu pelo mundo se tornou o cumprimento de várias profecias bíblicas: Jeremias 31:10 / Ezequiel 36:19 / Mateus 23:37-39 –Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas os que te foram enviados! Quantas vezes quis eu reunir os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintinhos debaixo das asas, e vós não o quisestes! Eis que a vossa casa vos ficará deserta. Declaro-vos, pois, que, desde agora, já não me vereis, até que venhais a dizer: Bendito o que vem em nome do Senhor!”

Mais de seis milhões de judeus foram exterminados nos campos de concentração durante a Segunda Guerra Mundial. Isso impulsionou a reconstituição de um Estado próprio (a renovação dos ramos e o brotar das folhas - Mt 24:32) depois de quase 2 mil anos da saída dos judeus. A diáspora terminou em 1948, com a criação de Israel sobre a Palestina, ou seja, em maio 1948 com a criação do ESTADO DE ISRAEL a figueira brotou, Israel voltou a ser nação cumprindo-se a profecia bíblica. Ezequiel 36:24 / Ezequiel 37:21.

Caixa de texto: Fonte googleAssim, quando Israel se tornou nação em 1948, deu-se início a um novo período bíblico “...sabeis que está próximo o verão. Assim também vós: quando virdes todas estas coisas, sabei que está próximo, às portas. Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que tudo isto aconteça”.
“Estamos às portas” para a vinda do Senhor e conforme a palavra de Deus: desta geração não passará sem que tudo isso aconteça. Nós vivemos sem dúvida nenhuma a geração do arrebatamento da igreja.

OBS.:     Após o arrebatamento, porque a bíblia ainda se refere a escolhidos?
Mateus 24:15-16:21-22. – são os judeus (remanescentes), os 144 mil. Por causa deles os dias serão abreviados. Estes são os que venceram o anticristo, que na vinda visível de Jesus serão salvos.

Deus vai levar suas primícias no arrebatamento. Referências bíblicas:
1 Coríntios 15:20 / Tiago 1:16-18 / João 17:24 / Apocalipse 3:10-11 / João 17:14 / 1 Coríntios 15:50-52 / 2 Coríntios 5:1-4.

Teremos um corpo igual ao corpo de Cristo na glória. Filipenses 3:20-21- “Pois a nossa pátria está nos céus, de onde também aguardamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, o qual transformará o nosso corpo de humilhação, para ser igual ao corpo da sua glória, segundo a eficácia do poder que ele tem de até subordinar a si todas as coisas”.

Prepare-se, o Rei Jesus está voltando. Maranata!
“Não abandoneis, portanto, a vossa confiança; ela tem grande galardão. Com efeito, tendes necessidade de perseverança, para que, havendo feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa. Porque, ainda dentro de pouco tempo, aquele que vem virá e não tardará; todavia, o meu justo viverá pela fé; e: Se retroceder, nele não se compraz a minha alma. Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma. Hebreus 10:35-39

SINOPSE ESCATOLÓGICA: -Synopsis Eschatological

 INTRODUÇÃO
A Escatologia Bíblica é o estudo dos últimos eventos que estão acontecendo e estarão para acontecer nestes últimos dias. O termo ESCATOLOGIA deriva de duas palavras gregas:
“ESCHATOS” = ÚLTIMO.
“LOGOS ou LOGIA” = ESTUDO.
Em resumo, Escatologia é o estudo das últimas coisas.
Para uma compreensão segura dos eventos bíblicos escatológicos, é indispensável aos cristãos genuínos, a observância de dois fatores fundamentais:

1      Não interpretar literalmente (“ao pé da letra”) as afirmações proféticas escatológicas de acordo com a seqüência de páginas, capítulos e versículos bíblicos, conforme a tradição da leitura humana; Não! “O homem natural não pode entender as coisas de Deus, porque lhes são loucura, e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente”. 1 Coríntios 2:14.
2      Muita atenção para os “Dias de Deus”. Cada Dia possui uma dimensão escatológica:




·      O Dia do Senhor para a igreja – Arrebatamento
·      O Dia do Senhor para os galardões – Tribunal de Cristo
·      O Dia do Senhor para provar as nações – Grande Tribulação
·      O Dia do Senhor para a vinda visível com a igreja – Segunda Vinda de Cristo
·      O Dia do Senhor para derrotar o anticristo – Armagedom
·      O Dia do Senhor para reinar com cetro de ferro – Milênio
·      O Dia do Senhor para julgar as nações – Juízo Final
OBS:      Na narrativa bíblica, esses fatos estão envolvidos em cada capítulo e versículo sem uma ordem lógica de cronologia e de literatura, portanto, vamos interpretar com os “olhos do Espírito Santo”, como homens espirituais. “... elas se discernem espiritualmente...” 1 Corintios 2:14.

Atenção :
a)    O Dia do Senhor para Igreja – ARREBATAMENTO.
2 Tessalonicenses 2:1-2 - “Irmãos, no que diz respeito à vinda de nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com ele, nós vos exortamos a que não vos demovais da vossa mente, com facilidade, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como se procedesse de nós, supondo tenha chegado o Dia do Senhor”.

b)    O Dia do Senhor para provar a terra – GRANDE TRIBULAÇÃO.
Sofonias 1:14 - “Está perto o grande Dia do Senhor; está perto e muito se apressa. Atenção! O Dia do Senhor é amargo, e nele clama até o homem poderoso”.

Mateus 24:15 - “Quando, pois, virdes o abominável da desolação de que falou o profeta Daniel, no lugar santo (quem lê entenda)”

Apocalipse 3:10 - “Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra”.

c)    O Dia do Senhor – BODAS DO CORDEIRO E SEU TRIBUNAL
1 Coríntios 3:13-14 –manifesta se tornará a obra de cada um; pois o Dia a demonstrará, porque está sendo revelada pelo fogo; e qual seja a obra de cada um o próprio fogo o provará. Se permanecer a obra de alguém que sobre o fundamento edificou, esse receberá galardão;”

Apocalipse 22:12 “E eis que venho sem demora, e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras”.

d)    O Dia do Senhor – VINDA VISÍVEL 
Mateus 24:29-30 – “Logo em seguida à tribulação daqueles dias, o sol escurecerá, a lua não dará a sua claridade, as estrelas cairão do firmamento, e os poderes dos céus serão abalados. Então, aparecerá no céu o sinal do Filho do Homem; todos os povos da terra se lamentarão e verão o Filho do Homem vindo sobre as nuvens do céu, com poder e muita glória”.

Apocalipse 19:11-14 – “Vi o céu aberto, e eis um cavalo branco. O seu cavaleiro se chama Fiel e Verdadeiro e julga e peleja com justiça. Os seus olhos são chama de fogo; na sua cabeça, há muitos diademas; tem um nome escrito que ninguém conhece, senão ele mesmo. Está vestido com um manto tinto de sangue, e o seu nome se chama o Verbo de Deus; e seguiam-no os exércitos que há no céu, montando cavalos brancos, com vestiduras de linho finíssimo, branco e puro”.

e)    O Dia do Senhor, derrotando o Anticristo – ARMAGEDOM
2 Tessalonicenses 2:8 – “então, será, de fato, revelado o iníquo, a quem o Senhor Jesus matará com o sopro de sua boca e o destruirá pela manifestação de sua vinda”.

Apocalipse 20:1-3 – “Então, vi descer do céu um anjo; tinha na mão a chave do abismo e uma grande corrente. Ele segurou o dragão, a antiga serpente, que é o diabo, Satanás, e o prendeu por mil anos; lançou-o no abismo, fechou-o e pôs selo sobre ele, para que não mais enganasse as nações até se completarem os mil anos. Depois disto, é necessário que ele seja solto pouco tempo”.

Apocalipse 16:12-16 – “Derramou o sexto a sua taça sobre o grande rio Eufrates, cujas águas secaram, para que se preparasse o caminho dos reis que vêm do lado do nascimento do sol. Então, vi sair da boca do dragão, da boca da besta e da boca do falso profeta três espíritos imundos semelhantes a rãs; porque eles são espíritos de demônios, operadores de sinais, e se dirigem aos reis do mundo inteiro com o fim de ajuntá-los para a peleja do grande Dia do Deus Todo-Poderoso. (Eis que venho como vem o ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se veja a sua vergonha.) Então, os ajuntaram no lugar que em hebraico se chama Armagedom”.

f)     O Dia do Senhor para instaurar o MILÊNIO
Apocalipse 19:15 – “Sai da sua boca uma espada afiada, para com ela ferir as nações; e ele mesmo as regerá com cetro de ferro e, pessoalmente, pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus Todo-Poderoso”.

Isaías 60:12 – “Porque a nação e o reino que não te servirem perecerão; sim, essas nações serão de todo assoladas”.

g)    O Dia do Senhor – JUÍZO FINAL
Apocalipse 20:11-12 – “Vi um grande trono branco e aquele que nele se assenta, de cuja presença fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles. Vi também os mortos, os grandes e os pequenos, postos em pé diante do trono. Então, se abriram livros. Ainda outro livro, o Livro da Vida, foi aberto. E os mortos foram julgados, segundo as suas obras, conforme o que se achava escrito nos livros”.

João 3:19 – “Eu repreendo e disciplino a quantos amo. Sê, pois, zeloso e arrepende-te”.

A GRANDE TRIBULAÇÃO -The Great Tribulation

A GRANDE TRIBULAÇÃO
A Grande Tribulação começará logo após o arrebatamento e este momento escatológico será de sete anos divididos em dois períodos, tendo cada um três anos e meio de duração. Será um período de grande terror, como nunca se viu, é também chamado na Palavra de Deus “grande aflição”, a “aflição de Jacó”, será um período em que o anticristo reinará sobre a terra.

Imagem ilustrativa
Apocalipse 3:10 – “Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra”.

Mateus 24:21. – “porque nesse tempo haverá grande tribulação, como desde o princípio do mundo até agora não tem havido e nem haverá jamais”.

Daniel 9:27 – “Ele fará firme aliança com muitos, por uma semana; na metade da semana, fará cessar o sacrifício e a oferta de manjares; sobre a asa das abominações virá o assolador, até que a destruição, que está determinada, se derrame sobre ele”.
Mateus 24:15 – “Quando, pois, virdes o abominável da desolação de que falou o profeta Daniel, no lugar santo (quem lê entenda)”,

Na grande tribulação também haverá alguns que serão salvos, são os mártires da grande tribulação. Eles serão salvos na fornalha. Salvos no fogo. Salvos pela dor.

QUEM SERÃO OS SALVOS DURANTE A GRANDE TRIBULAÇÃO?

a)    Os que vencerem a grande tribulação, por não adorarem a Besta, nem a sua imagem, e também não receberem a sua marca. Eles também são os “escolhidos”.

b)    Os 144 mil judeus resgatados e salvos do Armagedom. Eles serão um exemplo para o mundo durante o Milênio. Plantarão e serão abençoados e cantarão um hino com Jesus Cristo no monte das Oliveiras que ninguém sobre a terra jamais ouviu.

Apocalipse 7:14-15 – “Respondi-lhe: meu Senhor, tu o sabes. Ele, então, me disse: São estes os que vêm da grande tribulação, lavaram suas vestiduras e as alvejaram no sangue do Cordeiro, razão por que se acham diante do trono de Deus e o servem de dia e de noite no seu santuário;...”

Um grande número de crentes ficará na “fornalha” (grande tribulação), e dentre esse grande número, levantar-se-ão aqueles que darão a própria vida para não aceitar a marca da Besta e com eles também os 144mil judeus. Eles são os escolhidos, os santos da grande tribulação. Mateus 24:15-22.

Apocalipse 20:4 – “Vi também tronos, e nestes sentaram-se aqueles aos quais foi dada autoridade de julgar. Vi ainda as almas dos decapitados por causa do testemunho de Jesus, bem como por causa da palavra de Deus, tantos quantos não adoraram a besta, nem tampouco a sua imagem, e não receberam a marca na fronte e na mão...”

Apocalipse 7:4 – “Então, ouvi o número dos que foram selados, que era cento e quarenta e quatro mil, de todas as tribos dos filhos de Israel”

ADVERTÊNCIA: Cuidado igreja! Não se afaste do Deus vivo para não ficar na grande tribulação.

1 João 2:18 – “Filhinhos, já é a última hora; e, como ouvistes que vem o anticristo, também, agora, muitos anticristos têm surgido; pelo que conhecemos que é a última hora”.

Estamos na última hora, hora essa em que muitos anticristos têm surgido, ou seja, muitos que se levantam contra Deus, e já vimos muitos na história da humanidade, como também até nos dias de hoje. Mas a Palavra de Deus também nos afirma que vem “O” anticristo, alguém que se levantará nos últimos dias. A personificação do próprio diabo, agindo na vida de uma pessoa que reinará neste período de grande tribulação.

1 João 2:28 – “Filhinhos, agora, pois, permanecei nele, para que, quando ele se manifestar, tenhamos confiança e dele não nos afastemos envergonhados na sua vinda”.

2 Tessalonicenses 2:1-3 – “Irmãos, no que diz respeito à vinda de nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com ele, nós vos exortamos a que não vos demovais da vossa mente, com facilidade, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como se procedesse de nós, supondo tenha chegado o Dia do Senhor. Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniqüidade, o filho da perdição,”

O TRIBUNAL DE CRISTO -The Judgement Seat of Christ

O TRIBUNAL DE CRISTO

Logo após o arrebatamento da Igreja, dar-se-á na terra um tempo descrito na bíblia como sendo a GRANDE TRIBULAÇÃO. Esse será um tempo de horror para o mundo, para os que não foram arrebatados por não acolherem a Palavra de Deus.
imagem ilustrativa
Nos céus, a igreja que fora arrebatada comparecerá diante do TRIBUNAL DE CRISTO, mas esse não é um tribunal para julgamento de pecados, e sim, um Tribunal para entrega dos galardões dos santos. Nesse Tribunal haverá muita alegria, pois Deus, por ocasião das Bodas do Cordeiro, entregará os galardões de cada um conforme suas obras.

1 Coríntios 5:10 – “Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo”.

1 Coríntios 3:12-14 – “Contudo, se o que alguém edifica sobre o fundamento é ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha, manifesta se tornará a obra de cada um; pois o Dia a demonstrará, porque está sendo revelada pelo fogo; e qual seja a obra de cada um o próprio fogo o provará. Se permanecer a obra de alguém que sobre o fundamento edificou, esse receberá galardão”;

1 Coríntios 4:5 – “Portanto, nada julgueis antes do tempo, até que venha o Senhor, o qual não somente trará à plena luz as coisas ocultas das trevas, mas também manifestará os desígnios dos corações; e, então, cada um receberá o seu louvor da parte de Deus”.

Apocalipse 22:12 – “E eis que venho sem demora, e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras”.

Isaías 40:10 – “Eis que o Senhor Deus virá com poder, e o seu braço dominará; eis que o seu galardão está com ele, e diante dele, a sua recompensa”.

Isaías 62:11 – “Eis que o Senhor fez ouvir até às extremidades da terra estas palavras: Dizei à filha de Sião: Eis que vem o teu Salvador; vem com ele a sua recompensa, e diante dele, o seu galardão”.

ADVERTÊNCIA: Exultai na esperança. Não deixe nunca de amar a vinda do Senhor!
Mateus 22:4-8 – “Enviou ainda outros servos, com esta ordem: Dizei aos convidados: Eis que já preparei o meu banquete; os meus bois e cevados já foram abatidos, e tudo está pronto; vinde para as bodas. Eles, porém, não se importaram e se foram, um para o seu campo, outro para o seu negócio; e os outros, agarrando os servos, os maltrataram e mataram. O rei ficou irado e, enviando as suas tropas, exterminou aqueles assassinos e lhes incendiou a cidade. Então, disse aos seus servos: Está pronta a festa, mas os convidados não eram dignos”.

Atenção: Eis a introdução para a Grande Tribulação.
Apocalipse 19:9 – “Então, me falou o anjo: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E acrescentou: São estas as verdadeiras palavras de Deus”.

O ARREBATAMENTO DA IGREJA - The Rapture Of The Church

O ARREBATAMENTO DA IGREJA
Arrebatamento. 
a)    No grego – “PAROUSIA” – extrair, desarraigar um povo deste mundo e elevá-lo às alturas.
b)    No latim – “RAPTUS” – rapto repentino. Uma retirada surpreendente.
c)    No português – arrancar, tomar de surpresa 
Na conceituação etimológica, o arrebatamento tem um sentido muito significativo. 
VISÃO BÍBLICA DO ARREBATAMENTO
imagem ilustrativa






  a)    Texto áureo2 Tessalonicenses 2:1-3“Irmãos, no que diz respeito à vinda de nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com ele, nós vos exortamos a que não vos demovais da vossa mente, com facilidade, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como se procedesse de nós, supondo tenha chegado o Dia do Senhor. Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniqüidade, o filho da perdição”
Vídeo lustrativo
    
b)   Texto de apoio – 1 Tessalonicenses 4:15-17 – Ora, ainda vos declaramos, por palavra do Senhor, isto: nós, os vivos, os que ficarmos até à vinda do Senhor, de modo algum precederemos os que dormem. Porquanto o Senhor mesmo, dada a sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e, assim, estaremos para sempre com o Senhor”.
Vídeo lustrativo
 

    c)    Compreensão – separação dos seus – Gêneses 7:1;5;13; velocidade, urgência – Gêneses 19:14-17. Discernimento espiritual – separação um do outro – separação das primícias – 2 Reis 2:13-14. O que ficar vai precisar de muita coragem.

Arrebatados pela graça do Senhor
O arrebatamento será um momento grandioso para a Igreja, Deus tomará desta terra um povo compromissado com Ele. Assim como Deus poupou Noé (Gn 7:1-5;13 / 2 Pe 2:5), Ló (Gn 19:14-17 / 2 Pe 2:7-9), assim também Deus fará com o seu povo no dia do arrebatamento. Como Elias (2 Reis 2:13-14) e Enoque (Gêneses 5:24) foram tomados pelo Senhor, assim também Deus tomará a sua igreja.

Apocalipse 19:9 – “Então, me falou o anjo: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E acrescentou: São estas as verdadeiras palavras de Deus”.

d)    Ele vem primeiro para os seus (igreja gloriosa) – João 14:3 / João 17:9;24 / Mateus 22:2;11-13 / 1 Pedro 4:18 / 2 Pedro 2:5

2 Tessalonicenses 1:10 – “quando vier para ser glorificado nos seus santos e ser admirado em todos os que creram, naquele dia (porquanto foi crido entre vós o nosso testemunho)”.

O PERFIL DO ANTICRISTO - The profile of the Antichrist

O PERFIL DO ANTICRISTO

Na terminologia, o prefixo “anti” tem dois sentidos:
* contra (contrário a Cristo)
* Aquele que se levanta no lugar de Cristo (falso Messias).

a)    Ele, a princípio, terá uma personalidade gentil, compassiva e se dedicará à paz e prosperidade do mundo. Esse líder estará pronto para solucionar grandes problemas mundiais: fome, miséria, inflação, tráfico de drogas, exploração de países mais ricos sobre os mais pobres e a concentração de riquezas e rendas. Apocalipse 13:16-17.
b)    O seu caráter é de impostor, de um fraudulento – Ezequiel 28:1-16 / 2 Tessalonicenses 2:3-4.
c)    Fará aliança com os judeus – Daniel 9:27 / Mateus 24:15.
d)    Ele surgirá com a cobertura religiosa e terá total apoio de Roma. Apocalipse 13:1-2 / Daniel 7:7 / Apocalipse 17:3-18.


2.4 ASCENSÃO DO ANTICRISTO

imagem ilustrativa
pocalipse 13:1 – Vi emergir do mar uma besta que tinha dez chifres e sete cabeças e, sobre os chifres, dez diademas e, sobre as cabeças, nomes de blasfêmia”.

A palavra “Besta” tem no sentido bíblico = poder, governo, autoridade.
“...emergir do mar uma besta..” – Eis que surge do mar (mar significa: as nações, povos, multidões e línguas – Isaías 17:12-13 / Apocalipse 17:15) uma besta (poder político). Um homem (anticristo) que presidirá as confederações de nações.
Com certeza, este homem já está presente, camuflado, aguardando apenas o momento de manifestar-se.

2 Tessalonicenses 2:7-8 – “Com efeito, o mistério da iniqüidade opera e aguarda somente que seja afastado aquele que agora o detém; então, será, de fato, revelado o iníquo...”

O anticristo será um homem possuído pelo Diabo, opondo-se contra tudo que se chama Deus, porém, ostentará como se fosse o próprio Deus.

2 Tessalonicenses 2:3-4 – “...revelado o homem da iniqüidade, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus”.

A Besta ou anticristo será um personagem de uma habilidade e capacidade incrível. Será o maior líder de toda terra, portador de uma personalidade irresistível. Terá poder e sinais da mentira, uma vez que satanás o possuiu. Terá em suas mãos todo poderio bélico, tecnologia avançada e poder econômico, enganará as nações.

2 Tessalonicenses 2:9-10 – “Ora, o aparecimento do iníquo é segundo a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais, e prodígios da mentira, e com todo engano de injustiça aos que perecem, porque não acolheram o amor da verdade para serem salvos. É por este motivo, pois, que Deus lhes manda a operação do erro, para darem crédito à mentira, a fim de serem julgados todos quantos não deram crédito à verdade; antes, pelo contrário, deleitaram-se com a injustiça.

O anticristo influenciará decisivamente as massas com seus discursos inflamados (Apocalipse 13:5).
Far-se-á passar por Messias, redentor da humanidade. Será bem recebido ao aparecer com a solução de problemas sociais, políticos e econômicos. Acabará com as crises que fustigam o mundo inteiro, para as quais, os líderes mundiais mais capazes não encontram soluções.

O Falso Profeta
O Falso profeta, principal aliado do anticristo, durante o período da Grande Tribulação, é identificado na visão apocalíptica.

Apocalipse 13:11-15 - “Vi ainda outra besta emergir da terra; possuía dois chifres, parecendo cordeiro, mas falava como dragão. Exerce toda a autoridade da primeira besta na sua presença. Faz com que a terra e os seus habitantes adorem a primeira besta, cuja ferida mortal fora curada. Também opera grandes sinais, de maneira que até fogo do céu faz descer à terra, diante dos homens. Seduz os que habitam sobre a terra por causa dos sinais que lhe foi dado executar diante da besta, dizendo aos que habitam sobre a terra que façam uma imagem à besta, àquela que, ferida à espada, sobreviveu; e lhe foi dado comunicar fôlego à imagem da besta, para que não só a imagem falasse, como ainda fizesse morrer quantos não adorassem a imagem da besta”.

A Besta que emerge da terra será um poder religioso, um império religioso, com falsa humildade para enganar as nações, parecendo cordeiro, manso, inofensivo, brando e santo, mas no seu interior será um dragão destruidor. Ele auxiliará diretamente o anticristo dando a ele todo seu poder e apoio, promoverá grandes movimentos religiosos, unindo todos os credos, seitas, filosofias, fazendo muitos falsos milagres e sinais provenientes da mentira.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Loading